31 março 2010

Amor eterno

Observem bem...

Aqui nessa foto sua companheira foi machucada e a condição é fatal.
Ela foi pega por um carro enquanto voava baixo em uma rua.

Aqui ele traz comida para ela e a atende com amor e compaixão.


E trouxe comida novamente mas ficou chocado ao encontrá-la morta. Tentou movê-la... um esforço raramente visto entre andorinhas!!  


Mas percebe que sua querida está morta e que nunca mais voltará para ele... Ele chora tristemente a perda de seu adorado amor... 


Permaneceu ao lado dela tristemente em sua morte...


Finalmente consciente de que ela não retornaria jamais...
Permaneceu ao lado de seu corpo com tristeza. 


Milhões de pessoas choraram depois de ver estas fotos.
Dizem que o fotógrafo vendeu estas fotos por um valor nominal ao mais famoso jornal da França.
Todas as cópias do jornal foram vendidas no dia em que estas fotos foram publicadas.
E muitas pessoas pensam que os animais não tem cérebro ou sentimentos!!

“A humildade é o maior degrau da sabedoria. Quem lê, vê a vida com outros olhos.”
“O melhor amigo é aquele que nos faz ser melhor do que já somos.”
“A verdadeira amizade é aquela que o vento não leva e a distância não separa.”

2 comentários:

Fred Xavier disse...

Um belo post com belas imagens (embora tristes). Algumas aves realmente surpreendem no quesito "amor ao/à parceiro(a)". O pombo macho, por exemplo, divide as tarefas com a fêmea, ajuda a chocar e criar os filhotes. Costuma, as vezes, morrer (literalmente) quando o/a companheiro(a) morre. Bem-te-vis e andorinhões também são exemplos.

Gostei do post...

Dilly ♥ disse...

Aah, floor!
Gostei muito!
Quase chorei também, se quer saber.
Os animais são grandes exemplos para nós.
(nem sei porque chamam a gente de homem que sabe que sabe; devia ser homem que pensa que sabe)
Beeijos ♥